PRODUÇÃO SUSTENTÁVEL DE CACHAÇA ARTESANAL

Jacqueline Ramos, Daniel Bertoli Gonçalves

Resumo


Este artigo teve como finalidade descrever a cadeia produtiva da cachaça artesanal através da aplicação da ferramenta de Avaliação do Ciclo de Vida (ACV). A análise foi aplicada no setor agrícola e nos processos de produção da cachaça do Alambique Artesanal “Pinga dos Ramos”, no município de Tatuí-SP. A coleta de dados foi realizada através da observação direta de cada etapa do processo e entrevista. A fim de integrar uma estratégia de prevenção ambiental na produção da cachaça aplicou-se o método de Produção Mais Limpa (P+L), cujo princípio é eliminar a poluição durante o processo de produção. Conclui-se que apesar da empresa em questão buscar ser sustentável em seus processos, há ainda várias possibilidades de se obter melhorias em seus sistemas produtivos, como a conversão do sistema produtivo para o sistema orgânico de produção, o que abre novas possibilidades mercadológicas para a empresa.

Palavras-chave


Avaliação do Ciclo de Vida, Produção Mais Limpa, Produção Orgânica de Cachaça Artesanal

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5892/ruvrd.v16i1.3400

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Indexado em:

 Resultado de imagem para periodicos capes   Latindex    Harvester    Ibict      Pkp

 

 

Sumarios   DOAJ   LivRe   Dialnet

 

EBSCO   Funadesp 

 

  Resultado de imagem para crossref

 

 

ISSN: 1517-0276

EISSN: 2236-5362