ANÁLISE FUNCIONAL E BIOMECÂNICA DO USO DA MÃO PELO MACACO-PREGO (Sapajus libidinosus, SPIX, 1823)

Olhiga Ivanoff, Claudio Herbert Nina e Silva

Resumo


A capacidade de manipulação de objetos e de uso de ferramentas pelos macacos-pregos tem sido avo de vários estudos recentes. Desse modo, considerando a importância da preensão manual para a manipulação de objetos, o objetivo do presente estudo foi realizar a análise funcional e biomecânica do uso das mãos dos indivíduos adultos de um grupo cativo de macacos-prego (Sapajus libidinosus, SPIX, 1823) no Jardim Zoológico de Goiânia. Realizou-se a observação direta do comportamento de manipulação de objetos de três macacos-prego adultos cativos no Jardim Zoológico de Goiânia-GO. O método de amostragem foi o “animal-focal”. A análise funcional biomecânica envolveu a quantificação de uma amostra aleatória de 100 eventos de manipulação de objetos extraídos dos registros de vídeo de cada um dos três macacos-prego. As duas categorias de uso das mãos utilizadas na análise funcional e biomecânica estiveram relacionadas aos padrões de controle de preensão (força e precisão). A preensão de força foi o padrão de controle de preensão mais empregado pelos animais tanto na manipulação simples quanto na protoferramenta. Além disso, a preensão de precisão ocorreu com mais freqüência com o uso da mão direita do que com o uso da mão esquerda ou de ambas as mãos. Os presentes resultados evidenciaram a ocorrência de preferência manual em função do tipo de preensão. 


Palavras-chave


Cognição animal; Cebidae; Primatologia.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5892/ruvrd.v16i1.3769

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Indexado em:

Resultado de imagem para periodicos capes Latindex Harvester Ibict Pkp

Sumarios DOAJ LivRe Dialnet

EBSCO Funadesp

Resultado de imagem para crossref

ISSN: 1517-0276

EISSN: 2236-5362