O REGISTRO DOCUMENTAL PSICOLÓGICO SOBRE A ÓTICA DA BIOÉTICA
DOI: http://dx.doi.org/10.5892/ruvrd.v15i1.4191

Cláudio Vieira de LIMA

Resumo


A psicologia tem cada vez mais buscado aprimorar seus procedimentos de avaliação e intervenção em diversos contextos, porém tem deixado uma lacuna quando o assunto é o registro dessas informações sobre seu cliente. São poucas as diretrizes ou discussões acerca desse tema, o que gera uma falta de modelos comuns de registro, tendo apenas o instrumento para registro o prontuário do paciente como consenso. Prontuário é um documento único e individual, constituído de um conjunto de informações geradas a partir de fatos, acontecimentos e situações sobre a saúde do paciente e a assistência a ele prestada. A garantia da preservação das informações, além de uma obrigação legal contida no Código Penal, no Código Civil e na maioria dos Códigos de Ética Profissional, é um dever prima facie de todos os profissionais e também das instituições.

Palavras-chave


Registro Profissional; Psicologia; Bioética.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5892/ruvrd.v15i1.4191

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Indexado em:

 Resultado de imagem para periodicos capes   Latindex    Harvester    Ibict      Pkp

 

 

Sumarios   DOAJ   LivRe   Dialnet

 

EBSCO   Funadesp 

 

  Resultado de imagem para crossref

 

 

ISSN: 1517-0276

EISSN: 2236-5362