ABORDAGEM FAMILIAR NO CUIDADO ÀS CONDIÇÕES CRÔNICAS DE SAÚDE

Júnia Tamires Souza Vieira, Juliane Gomes Damasceno, Cláudia Danyella Alves Leão, Aline Soares Figueiredo Santos

Resumo


Introdução: Abordar o tema família como foco da atenção básica é de extrema importância. A abordagem familiar realizada no cuidado a saúde, pelas equipes da atenção primária, possibilita uma melhoria na qualidade de vida dos usuários desses serviços. Objetivo: Relatar a experiência da utilização de ferramentas de abordagem familiar no cuidado a um usuário com diversas condições crônicas de saúde.  Metodologia: Trata-se de um estudo descritivo qualitativo com uma família cadastrada na Estratégia Saúde Família (ESF) Planalto III, no município de Montes Claros – MG/ Brasil, em que foram aplicadas as ferramentas de abordagem familiar: Genograma, ecomapa FIRO, P.R.A.C.T.I.C.E, ciclo de vida e a conferência familiar. Resultados: O estudo proporcionou uma análise mais ampla do ambiente familiar através de ferramentas utilizadas na atenção primária a saúde. Conclusão: Em relação à família estudada, percebe-se uma melhoria no cuidado à saúde, uma definição de papéis entre os membros da família e fortalecimento do vínculo familiar.


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5892/ruvrd.v16i2.4471

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Indexado em:

Resultado de imagem para periodicos capes Latindex Harvester Ibict Pkp

Sumarios DOAJ LivRe Dialnet

EBSCO Funadesp

Resultado de imagem para crossref

ISSN: 1517-0276

EISSN: 2236-5362