A SEXUALIDADE DA MULHER NO CLIMATÉRIO

Fernanda Cristina Beraldo Rezende, Hilária Kenia Santos Lisboa, Lyllian Aparecida Vieira Almeida, Emerson Ribeiro Lima, Meriele Santos Souza, Romana Aparecida Alves Barbosa, Karla Chistiane Freitas Oliveira, Mariza Alves Barbosa Teles

Resumo


RESUMO

 O climatério é o processo de transição entre as fases biológica e não patológica caracterizado pelo período reprodutivo e o não reprodutivo. O objetivo desde estudo foi descrever o conhecimento das mulheres sobre o climatério e as consequências dessa fase em sua sexualidade. Trata-se de um estudo qualitativo e descritivo realizado com oito mulheres cadastradas em Unidade Básica de saúde, no período de agosto a setembro de 2011, em Juramento(MG), Brasil. Para a produção dos dados foi empregada a entrevista semi-estruturada, e análise de conteúdo na modalidade temática foi a técnica utilizada para a analise dos dados. Os dados encontrados mostraram que a maioria das participantes desconhece o que é climatério. As falas das mulheres deixam transparecer o significativo do medo de perda da jovialidade e da beleza, além da diminuição do desejo e, consequentemente, da redução da frequência da atividade sexual. Conclui-se que poucas mulheres estão informadas e buscam novos conhecimentos e se preparam para a chegada dessa fase. Espera-se que este estudo traga contribuições para nortear o trabalho dos profissionais de enfermagem nas organizações de atendimento voltadas a este público.

 

 


Palavras-chave


Sexualidade. Climatério. Saúde da mulher. Conhecimento. Influência.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5892/ruvrd.v17i1.4637

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Indexado em:

Resultado de imagem para periodicos capes Latindex Harvester Ibict Pkp

 

 

Sumarios DOAJ LivRe Dialnet

 

EBSCO Funadesp

 

Resultado de imagem para crossref

 

 

ISSN: 1517-0276

EISSN: 2236-5362