CONTRIBUIÇÕES DA FENOMENOLOGIA NO DOMÍNIO DOS ESTUDOS ORGANIZACIONAIS: PESQUISAS DE CUNHO INTERPRETATIVO

Jessica Casali Turcato, Juliana da Fonseca Capssa Lima Sausen, Cátia Raquel Felden Bartz, Daniel Knebel Baggio

Resumo


Compreendida como uma estratégia qualitativa e interpretativa que busca a obtenção do conhecimento intersubjetivo, compreensivo e retratado, utilizando da experiência de vida para compreender um fenômeno; a fenomenologia, se por um lado, se encontra em ascensão nos estudos organizacionais, por outro lado, demanda de trabalhos científicos que a utilizam como método de pesquisa, principalmente no campo da administração e, sobretudo, em estudos organizacionais que tratam sobre empreendedorismo. Considerando tal lacuna, este artigo propõe – por meio de pesquisa bibliográfica em artigos e livros de fontes nacionais e internacionais sobre a temática – uma reflexão teórico-científica das principais contribuições da fenomenologia para os estudos organizacionais. Através dos resultados e discussões apresentados, conclui-se que a fenomenologia pode trazer contribuições significativas para a área da administração e para os estudos organizacionais, inclusive para o empreendedorismo. Para tanto, faz-se necessário o reconhecimento de sua relevância, bem como sua efetiva aplicabilidade nos campos científico e empírico, pelos pesquisadores destas respectivas áreas.

Palavras-chave


Fenomenologia. Movimento Filosófico. Pesquisa Empírica. Estudos Organizacionais.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5892/ruvrd.v17i1.5072

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Indexado em:

Resultado de imagem para periodicos capes Latindex Harvester Ibict Pkp

 

 

Sumarios DOAJ LivRe Dialnet

 

EBSCO Funadesp

 

Resultado de imagem para crossref

 

 

ISSN: 1517-0276

EISSN: 2236-5362