EFEITO DO USO DE PLANTAS MEDICINAIS EM MODELOS EXPERIMENTAIS DE CICATRIZAÇÃO

João Pedro dos Reis da Costa, Eduardo Augusto Silva Monteiro, Beatriz Sayuri Vieira Ishigaki, Tereza Cristina dos Reis Ferreira

Resumo


Os ferimentos cutâneos são problemas que ocorrem normalmente durante toda a vida de qualquer pessoa, principalmente pelo papel de órgão de barreira que a pele desempenha, isto acaba fazendo com que ela seja comumente lesionada, essas lesões, dependendo do paciente em que ocorrem, podem acabar tendo o seu processo de cicatrização retardado o que acarreta no desenvolvimento de uma úlcera crônica, neste sentido, o tratamento tradicional acaba sendo oneroso para o sistema de saúde, sendo então possível o emprego de plantas medicinais como alternativa para o tratamento dessas lesões. Nesse sentido, o objetivo da presente revisão de literatura é elencar o feito das plantas medicinais sobre o processo de cicatrização. Para isso foi realizada a busca de estudos nas bases de dados do PUBMED, LILACS e SCIELO com a utilização dos descritores Wound Healing, skin e Rats. Foram encontrados 66 artigos que se adequavam à temática da revisão, sendo o n final 20 artigos. A partir desses artigos, foi possível perceber que o processo de cicatrização é complexo e pode ser estimulado de variadas forma, aumentando a capacidade antioxidante da ferida, aumentando a quantidade de colágeno, hidroxiprolina, além de também evitar a ocorrência de infecções, todos esses fatores contribuem para que o tempo de contração da ferida diminuem, proporcionando desta maneira uma melhor cicatrização. Logo, há variadas plantas medicinas que já foram aplicadas em modelos experimentais de cicatrização, porém mais estudos poderiam ajudar com que estas plantas fossem empregadas na prática clínica.


Palavras-chave


Cicatrização; Plantas Medicinais; Modelos Animais.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5892/ruvrd.v17i2.5731

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Indexado em:

Resultado de imagem para periodicos capes Latindex Harvester Ibict Pkp

 

 

Sumarios DOAJ LivRe Dialnet

 

EBSCO Funadesp

 

Resultado de imagem para crossref

 

 

ISSN: 1517-0276

EISSN: 2236-5362