DETERMINAÇÃO DO DESPERDÍCIO ALIMENTAR E GÊNEROS ALIMENTÍCIOS EM RESTAURANTE COMERCIAL

Débora Fernandes Pinheiro, Vania Schmitt

Resumo


O desperdício de alimentos causa danos econômicos, sociais, além de desequilíbrios ambientais irreparáveis. Nos estabelecimentos produtores de alimentos, como os restaurantes, é possível controlar e verificar o descarte alimentar. O objetivo do estudo foi o de quantificar índices de desperdício bem como os alimentos principais envolvidos, em um restaurante comercial no interior do Brasil, durante cinco dias. Verificamos de que a per capita do estabelecimento foi de 98 gramas, e em relação à média de sobras sujas/dia foram de 49,62 kg (17,98%), e o resto pelos comensais com média 31,77 kg e 2,28% de resto-ingesta. E ao relacionarmos os principais alimentos distribuídos e não consumidos, em sua maioria estiveram as frutas e hortaliças, com 10 dos 15 principais alimentos descartados durante a semana, seguido dos grãos. Pode-se verificar de que os elevados índices de desperdício do restaurante encontravam-se pelas sobras sujas distribuídas pelos funcionários do estabelecimento. A partir dos dados expostos, entende-se de que é crucial entender que o desperdício de alimentos é gerenciável e deve ser um componente integrante do sistema de gerenciamento dos restaurantes, a fim de evitar o desperdício dos alimentos.


Palavras-chave


unidade de alimentação e nutrição; segurança alimentar e nutricional; perda de alimentos; consumo alimentar; descarte



DOI: http://dx.doi.org/10.5892/ruvrd.v1i18.5903

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Indexado em:

Resultado de imagem para periodicos capes Latindex Harvester Ibict Pkp

 

 

Sumarios DOAJ LivRe Dialnet

 

EBSCO Funadesp

 

Resultado de imagem para crossref

 

 

ISSN: 1517-0276

EISSN: 2236-5362