PERFIL ELETROCARDIOGRAFICO DE PACIENTES ATENDIDOS PELA REDE DE TELEASSISTÊNCIA EM MONTES CLAROS-MG

Rosimara Viana dos Santos Vinculação, Isabela Soares Lopes, Raquel Edna Silva Rocha Vinculação, Alanna Fernandes Paraíso, Kleber Teixeira de Souza, Humberto Gabriel Rodrigues, Daniela Fernanda de Freitas, Flávio Junior Barbosa Figueiredo

Resumo


Introdução: O eletrocardiograma (ECG) é um exame não invasivo importante no diagnóstico das arritmias e distúrbio de condução, isquemias coronarianas que predomina-se como um marcador de patologias cardiovasculares. Objetivo: Identificar o perfil eletrocardiográfico de pacientes atendidos pela Rede de Teleassistência em Montes Claros-MG. Metodologia: Metodologia: Trata-se de estudo de abordagem quantitativa, transversal e descritivo. O estudo foi realizado com pacientes submetidos ao exame de eletrocardiograma com seus respectivos laudos no período de 2013 a 2016, na Estratégia Saúde da Família nas ações itinerantes do Grupo de Enfermagem e Engenharia Biomédica Aplicada na área urbana e rural da cidade de Montes Claros, Minas Gerais. O trabalho foi submetido e aprovado pelo comitê de ética nas Faculdades Integradas Pitágoras de Montes Claros sobre protocolo número 2.002.390. Resultados: Foram analisados os laudos de 3.341 pacientes, 89,6 % moradores da zona urbana, 10,4 zona rural de Montes Claros. A prevalência dos fatores de riscos para doenças cardiovasculares foram bastante alta, principalmente associada à obesidade com 29,6% (n-774) e a hipertensão arterial sistêmica com 25,4% (n-820). Conclusão: Conclui-se que, dentre os pacientes analisados, a maioria que fazem o uso de ECG são do sexo feminino (64,4%), são normotensos (66,4%) e apresentam sobrepeso ou obesidade (57,3%) e os principais sintomas que levam a realização desse exame são dispneia 3,4%, palpitação 3,1%, tonteira 3,1% e sudorese com 1,7%. Aproximadamente (23,4%) dos ECGsse revela normais e as principais alterações observadas foram alterações inespecíficas da repolarizaçãoventricular seguido por Arritmias sinusal e alterações secundários de repolarização ventricular.


Palavras-chave


Precordialgia. Eletrocardiográfico. Dor torácica. Pacientes. Doenças Cardiovasculares.



DOI: http://dx.doi.org/10.5892/ruvrd.v1i18.5911

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Indexado em:

Resultado de imagem para periodicos capes Latindex Harvester Ibict Pkp

 

 

Sumarios DOAJ LivRe Dialnet

 

EBSCO Funadesp

 

Resultado de imagem para crossref

 

 

ISSN: 1517-0276

EISSN: 2236-5362