Prognose por classe diamétrica para um povoamento de teca a partir de um modelo do tipo povoamento total

Júlia Melo Franco Neves Costa, Renato Vinícius Oliveira Castro, Thelma Shirlen Soares, Edmilson Santos Cruz

Resumo


Neste estudo foi aplicada uma metodologia para estimar o crescimento e a produção por segmentos pré-estabelecidos da distribuição de diâmetro (percentis). Estes segmentos compreenderam os percentis 35º, 50º, 75º e 93º. Foram empregados dados de parcelas permanentes de teca de um povoamento situado em Alta Floresta – MT. Para prognosticar a produção em função do diâmetro, correlacionou-se cada percentil com características do povoamento. Os modelos ajustados foram avaliados com base no coeficiente de determinação, no erro padrão residual, na análise gráfica dos resíduos e no teste L&O. A metodologia empregada permitiu a obtenção da produção de teca de forma segmentada, com obtenção do volume entre os diâmetros percentis definidos.

Palavras-chave


Modelo de crescimento e produção. percentis. Volume.



DOI: http://dx.doi.org/10.5892/ruvrd.v1i18.5955

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Indexado em:

Resultado de imagem para periodicos capes Latindex Harvester Ibict Pkp

 

 

Sumarios DOAJ LivRe Dialnet

 

EBSCO Funadesp

 

Resultado de imagem para crossref

 

 

ISSN: 1517-0276

EISSN: 2236-5362