A TRAGICIDADE EM “NA VELHA GUAICURUS”, DE WANDER PIROLI

Thainara Cazelato Couto (UNINCOR)

Resumo


O livro de contos É proibido comer a grama (2006), de Wander Piroli, é composto por 18 narrativas, nas quais se destacam o temário da violência, sobretudo aquela que emerge no espaço urbano, tendo como cenário principal a cidade de Belo Horizonte, seu centro nevrálgico e arredores boêmios, como por exemplo, o bairro da Lagoinha. As personagens de Piroli são os esquecidos, excluídos e invisíveis sociais, as pessoas comuns com suas mazelas do dia-a-dia: o pobre, o negro, a prostituta, o operário, o ladrão, o bêbado, entre outros tipos marginalizados. O objetivo deste artigo é analisar sob a ótica da violência a tragicidade no conto “Na velha Guaicurus”, considerando os conceitos de violência cultural, violência estrutural e violência direta conforme descritos por Thomas Conti (2016). O conto narra a história de amor entre a prostituta Etelvina e o aplicador de injeção João de Deus, que se no início faz alusão ao clássico conto de fadas (mesmo sendo personagens improváveis para isso), termina de forma trágica com o assassinato da protagonista.

Palavras-chave


Violência; tragicidade; Wander Piroli; contos.

Texto completo:

PDF

Referências


ALVES, Ivia. Imagens da mulher na literatura na modernidade e contemporaneidade. In: FERREIRA, Silvia Lucia; NASCIMENTO, Enilda Rosendo do (Orgs.). Imagens da mulher na cultura contemporânea. Salvador: NEIM/UFBA, 2002, cap. 6, p. 85-98. (Coleção Bahianas; 7).

AMORETTI, Rogério. Bases para leitura da violência. In: AMORETTI, Rogério (Org.). Psicanálise e violência: metapsicologia, clínica, cultura. Petrópolis: Vozes, 1992, cap. 4. p. 36-46.

BOURDIEU, Pierre. Uma imagem ampliada. In: A dominação masculina. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 2011. p. 13-67.

CONTI, Thomas. Os conceitos de violência direta, estrutural e cultural. 2016. Disponível em: . Acesso em: 17 jan.2019.

MARQUES, Fabrício. Wander Piroli: uma manda de búfalos dentro do peito. Belo Horizonte: Conceito, 2018.

MOREIRA, Ariágda dos Santos. O espaço da prostituta na literatura brasileira no século XX. Caligrama: Revista de Estudos Românicos, Belo Horizonte, v. 12, p. 237-250, 2007. Disponível em: . Acesso em: 29 nov. 2018.

PEREIRA, Cilene Margarete. Uma poética da violência: considerações sobre a narrativa de Wander Piroli. 2019. (no prelo).

PINSKY, Carla Bassanezi. A era dos modelos rígidos. In: PINSKY, Carla Bassanezi; PEDRO, Joana Maria (Org.). Nova história das mulheres no Brasil. São Paulo: Contexto, 2012. p. 469-512.

PIROLI, Wander. É proibido comer a grama. Belo Horizonte: Leitura, 2006.

RESENDE, Beatriz. A literatura brasileira na era da multiplicidade. In: Contemporâneos: expressões da literatura brasileira no século XXI. Rio de Janeiro: Casa da palavra; Biblioteca Nacional, 2008. p. 15-40.

SAFFIOTI, Heleieth Iara Bongiovani. O poder do macho. São Paulo: Moderna, 1987. (Coleção Polêmica).


Apontamentos

  • Não há apontamentos.



ISSN  1807-9717

Editora: Profa. Dra. Cilene Margarete Pereira (UninCor) - Período: 2019-2020

Editor: Prof. Dr. Luciano M. Dias Cavalcanti (UNICAMP) - Período: 2019-2020


Indexado em:

                                        Capes    Latindex     Pkp     Ibict     Sumarios
     
 
                                                     DOAJ      LivRe           Dialnet
   
                               EBSCO     Funadesp      
                               Harvester