SÉRGIO SANT’ANNA: ENTRE OS LUGARES DA MEMÓRIA E AS RUAS DA CIDADE CARIOCA

Fatima Cristina Dians Rocha (UERJ)

Resumo


O artigo “Sérgio Sant’Anna: entre os lugares da memória e as ruas da cidade carioca” analisa o texto “O conto zero”, do livro O conto zero e outras histórias, de Sérgio Sant’Anna, publicado em 2016. Nesse livro, o escritor inaugura uma escrita de teor autobiográfico, exercitando com habilidade o hibridismo entre o autobiografismo e a ficção, tão característico da prosa brasileira contemporânea. No texto “O conto zero”, colocando em cena o protagonista “você”, que transita por diferentes planos temporais, Sérgio Sant’Anna evita a identificação imediata entre o protagonista e o autor, ficcionalizando inventivamente a infância e a família, a rua e a cidade carioca, evocadas e representadas em sua dimensão pessoal e coletiva. Texto que embaralha os limites entre o autobiográfico e o ficcional, “O conto zero” se inscreve no melhor da tradição da narrativa urbana carioca, imprimindo-lhe um acento pessoal que tangencia a evocação nostálgica e a lembrança trágica.

Palavras-chave


Sérgio Sant’Anna; “O conto zero”; hibridismo autobiografismo/ficção.

Texto completo:

PDF

Referências


ALMEIDA, Manuel Antônio. Memórias de um sargento de milícias. São Paulo: Penguin Classics Companhia das Letras, 2013.

ARFUCH, Leonor. O espaço biográfico. Dilemas da subjetividade contemporânea. Tradução de Paloma Vidal. Rio de Janeiro: EdUERJ, 2010.

BANDEIRA, Manuel. “Consoada”. In: ___. Estrela da vida inteira. 3 ed. Rio de Janeiro: José Olympio, 1973.

LEJEUNE, Philippe. O pacto autobiográfico. In: ___. O pacto autobiográfico: de Rousseau à Internet. Organização Jovita Maria Gernheim Noronha. Tradução de Jovita Maria Gernheim Noronha e Maria Inês Coimbra Guedes. Belo Horizonte: Editora UFMG, 2008.

MOLLOY, Sylvia. Vale o escrito: a escrita autobiográfica na América Hispânica. Tradução de Antônio Carlos Santos. Chapecó: Argos, 2003.

SANT’ANNA, Sérgio. Um discurso sobre o método. In: ___. A Senhorita Simpson. São Paulo: Companhia das Letras, 1989.

SANT’ANNA, Sérgio. O conto zero e outras histórias. S. P.: Companhia das Letras, 2016.

SANT’ANNA, Sérgio. Anjo noturno: narrativas. S. P.: Companhia das Letras, 2017.

SANT’ANNA, Sérgio. Entrevista concedida ao jornal Rascunho. Edição 233, setembro 2019. SANTIAGO, Silviano. Meditação sobre o ofício de criar. Aletria. Revista de Estudos de Literatura. Rememorações/Comemorações, nº. 18, jul./dez. 2008, p. 173-9.

STRAUB, Jürgen. Memória autobiográfica e identidade pessoal. Considerações histórico-culturais comparativas e sistemáticas sob a ótica da psicologia narrativa. In: GALLE, Helmut et al (org.). Em primeira pessoa: abordagens de uma teoria da autobiografia. São Paulo: Annablume; FAPESP; FFLCH; USP, 2009, p. 79-98


Apontamentos

  • Não há apontamentos.



ISSN: 1807-8591

Editora: Profa. Dra. Cilene Margarete Pereira (UninCor) - Período: 2010-2020

Editor: Prof. Dr. Luciano M. Dias Cavalcanti (UNICAMP) - Período: 2012-2020


Indexado em:

                           Capes        Latindex       Harvester        Ibict       Pkp
 
 
                                        Sumarios     DOAJ      LivRe           Dialnet
 
                               EBSCO       Funadesp