ARGUMENTAÇÃO E EMOÇÃO NO DISCURSO JORNALÍSTICO: A CONSTRUÇÃO DO ETHOS DE BERTRAND CANTAT NA CAPA DE LES INROCKUPTIBLES

Danielle Fullan (UFMG)

Resumo


RESUMO: O presente trabalho faz algumas  reflexões acerca da construção argumentativa da capa da revista francesa Les Inrockuptibles publicada em 11 de outubro de 2017. A partir do ethos de Bertrand Cantat, nosso principal objetivo foi identificar os efeitos patêmicos possíveis no discurso da revista. Para tanto, nosso referencial teórico-metodológico se valeu das reflexões de Amossy (2005, 2006), no que diz respeito à noção de ethos, o conceito de efeitos patêmicos possíveis de Charaudeau (2007) e o quadro de análise das imagens fixas proposto por Mendes (2013) para a análise da macrodimensão retórico-discursiva dos elementos icônicos que compõem a capa. Pretendemos demonstrar que, apesar de haver uma tentativa clara da revista de suscitar efeitos de simpatia e compaixão por Bertrand Cantat em sua reapresentação à vida pública, a capa não conseguiu dissociar a nova imagem proposta daquela previamente partilhada sobre o cantor.

 

PALAVRAS-CHAVE: Argumentação; Emoção; Efeitos Patêmicos; Discurso jornalístico; Les Inrocks.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.



ISSN  1807-9717


Indexado em:

                                        Capes    Latindex     Pkp     Ibict     Sumarios
     
 
                                                     DOAJ      LivRe           Dialnet
   
                               EBSCO     Funadesp      
 
 
                                        Harvester